Música e atividade física: como escolher fones de ouvido para fazer esporte

Música e atividade física: como escolher fones de ouvido para fazer esporte

Fios longos ou curtos demais, fones desconfortáveis, cabo que não se mantém conectado e outras dificuldades como essas podem ser comuns para quem gosta de ouvir música ou podcast enquanto faz alguma atividade física, seja na academia ou ao ar livre. Muita gente acaba usando os fones que abastecem com o celular, sem se lembrar de que existem produtos mais adequados para praticar exercícios. Um dispositivo de som, se usado do jeito certo, pode dar aquele ânimo e ainda ajudar na performance esportiva diante do conforto e a qualidade do som. E como escolher fones de ouvido para você? Existem algumas características que você deve observar. Fone de ouvido supra-auricular, intra-auricular ou fone de ouvido? É preciso considerar que a qualidade do som tem mais a ver com as especificidades do produto do que com o seu formato. Porém, os tipos de fones de ouvido, que são os mais comuns e mais baratos, podem deixar escapar o som, por mais alto que estão no volume, justamente por não se fixarem bem na orelha. Foi assim que surgiram os intra-auriculares (que se encaixam no ouvido), com a diferença de terem a ponta feita de silicone. Quando introduzidos no canal auditivo, eliminam a maioria dos ruídos externos, aprimorando o desempenho do som. Já os fones de ouvido supra-auriculares cobrem todo o ouvido e orelha, protegem o som e são confortáveis ​​em sua maioria – compra com aquela almofadinha, sabe? Entretanto, são mais pesados ​​que os outros. Características técnicasExistem algumas informações que podem ajudar a avaliar o desempenho do fone de ouvido. A impedância, por exemplo, está relacionada ao volume do som. Ela é medida em Ohms: quanto menor, maior será a potência com que a música vai tocar. O driver, por sua vez, são os alto-falantes. Eles são menores nos fones de ouvido e nos aparelhos intra-auriculares, já que existe uma limitação de espaço, mas isso não significa que a qualidade seja inferior, apenas são desenvolvidos em miniatura. O conector ou plug, por outro lado, é objeto de várias queixas: o de cobre é o mais barato e oxida facilmente, diminuindo o tempo de vida do fone. O mais caro é o de ouro, tem um material resistente e durabilidade maior. No caso dos fones de ouvido, é preciso avaliar o alcance do Bluetooth, que costuma ser de dez metros, na maioria. Normalmente, eles funcionam à bateria e precisam ser carregados, durando por volta de oito horas, dependendo do modelo. Resistência à águaEsta é uma característica importante para ser avaliada, pois prática esportiva e suor estão diretamente ligados. Atualmente, algumas classificações internacionais para fones de ouvido e celulares eliminam os dispositivos no quesito resistência a elementos externos como queda, poeira, contato com água e mais. Um aparelho IPX0 é considerado frágil no que diz respeito à água e não pode ser molhado, enquanto um IPX8 pode ser mergulhado em até um metro do líquido sem que haja qualquer dano em seus circuitos eletrônicos. A partir do IPX5, fica permitido tomar chuva com o dispositivo no bolso ou deixar-lo cair sem querer na água, pegando rapidamente. Com um IPX6, os objetos já estão mais protegidos, mas não em grandes profundidades. Um IPX7 é considerado à prova d’água. Entenda aqui como funciona a proteção à água na escala IP67, IP68 e maisEssas foram informações úteis para você? Selecionamos alguns modelos para levar mais qualidade à sua prática esportiva, seja ela qual for. Veja algumas recomendações: Fone de ouvido esportivo – PhilipsPreço: R $ 57,90 Comprar Imagem: Divulgação Tem formato intra-auricular que bloqueia ruídos externos e cabo de 1,2 metro com proteção emborrachada para aumentar a durabilidade. Possui gancho para orelha, que ajuda na mobilidade durante os exercícios, e alto-falante de 25 mm, que emite som mais nítido. O modelo é interessante para práticas ao ar livre. Fone de ouvido Endurance Run – JBLPreço: R $ 159 Comprar Imagem: Divulgação Conta com design flexível e bidirecional, o que permite ao praticante de esporte ajustar os fones de ouvido da maneira tradicional ou atrás da orelha. Possui tecnologia TwistLock e FlexSoft, que deixam o aparelho mais leve e ergonomicamente estável. Tem classificação IPX5, com resistência a suor e chuvas leves. Fone de ouvido Bluetooth esportivo – JBLPreço: R $ 879 Comprar Imagem: Divulgação Sem fio, possui tempo de reprodução de até 16 horas e função carga rápida de cinco minutos para 1 hora de bateria. Este fone tem uma tecnologia UA SuperVent, que reveste como almofadas auriculares externas com tecido leve e de secagem rápida, que pode ser retirado e lavado manualmente. O botão multifunção TalkThru abaixa o volume do som imediatamente, caso seja preciso conversar com alguém. É confortável para qualquer tipo de atividade, inclusive de mais movimento, como polichinelos. Fone de ouvido Bluetooth – JBLPreço: R $ 119 Comprar Imagem: Divulgação O fone de ouvido não tem fios e operado via Bluetooth. Permite atender a chamadas sem as mãos e possui oito horas de autonomia de bateria. A recarga é completada em duas horas. O cabo ligando os dois fones é plano e não embola, mesmo quando usado por bastante tempo. É compatível com a maioria dos dispositivos móveis com Android, iOS e Windows Phone. Não é à prova d’água. Fones sem fio à prova d’água – TranyaPreço: R $ 399,90 Comprar Imagem: Divulgação Com um driver de 12 mm, oferece vocais claros, agudos e graves nítidos, elevando o nível da experiência sonora. Tem quatro microfones dedicados com tecnologia de redução de ruídos, que filtra até 70% dos ruídos externos. Tem modo “jogo” e funciona por oito horas sem recarga. Os fones são revestidos em material impermeável e selados, com eficiência contra água e suor e proteção IPX7, segundo o fabricante. Uma dica: costuma fazer compras online? Assinar o Amazon Prime pode ser uma boa alternativa. Com o primeiro mês de teste gratuito e depois por apenas R $ 9,90, você tem entrega grátis e rápida para diversas compras em qualquer lugar do Brasil. Os preços e a lista foram checados no dia 2 de setembro de 2021 para atualizar esta matéria. Pode ser que eles variem com o tempo. O UOL pode receber uma parcela das vendas pelos links recomendados neste conteúdo. Preços e ofertas da loja não influenciam os critérios de escolha editorial.