«Hoje não tenho palavras», diz autor da entrada violenta sobre Messi

«Hoje não tenho palavras», diz autor da entrada violenta sobre Messi

Adrián Martínez, jogador venezuelano que entrou aos 28 minutos para substituir Sema Velázquez (Arouca), ficou na história do Venezuela-Argentina devido a uma entrada muito violenta sobre Lionel Messi, acabando por ver o cartão vermelho direto.

Nessa altura, o jogo seguia com um empate a zero. Em superioridade numérica, a Argentina venceu o encontro por 3-1. 

«Hoje não tenho palavras. Os que me conhecem, sabem que jamais colocaria em causa a integridade física de algum colega. Quero apenas pedir desculpas ao corpo técnico, aos meus companheiros e a todos os adeptos da Vinotinto, que nos apoiam de coração. Amo o meu país e assumo a minha responsabilidade», escreveu o jogador, nas redes sociais.

Veja as imagens no vídeo abaixo:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 + dois =